CEDRAL, SEMPRE HEI DE LHE AMAR

Todos em coro,

Um hino a cantar;

Sempre presente Cedral,

há de estar Dias de amores,

Cheios de paz,

É que CEDRAL

Sempre traz.

Terra de cedro,

Café, doce lar,

Beleza serena,

Flores,

bom ar: Em tom de alegria,

Fazendo canção,

Seus filhos unidos Num só coração,

Sinos que vibram,

Dobram em fé.

Bom Jesus Cristo,

Na Sé.

Um céu colorido,

E o povo a cantar: CEDRAL,

sempre Hei de lhe amar